Ainda há tempo!


(Este artigo foi escrito para gerar uma reflexão ao jovens cristãos solteiros que identificam em suas vidas alguma tendência a se desanimar durante sua caminhada com Deus. Para esclarecer, um incendio poderia ter acontecido em qualquer lugar e com qualquer outras pessoas até mesmo numa igreja. O foco do artigo não está em discutir o destino espiritual dos jovens que morreram na boate Kiss, mas sim destacar o que leva a muitos jovens a se desviarem dos caminhos de Deus. Estou em luto também juntamente com a cidade  assim como as igrejas daqui tem feito o que podem para consolar as famílias. Por favor, evite polêmicas, não distorça o tema do texto.)

Neste último domingo, dia 27 de janeiro, a minha amada cidade de Santa Maria, RS acordou em prantos por causa da tragédia na boate Kiss. Foram 237 vidas jovens perdidas e muitos feridos nos hospitais (nº atualizado). O ginásio onde estávamos realizando nossos cultos de domingo, em virtude da tenda que utilizávamos ter caído com o vendaval em dezembro do ano passado, estava lotado de corpos, famílias e amigos arrasados. Só quem mora aqui consegue ter a dimensão do cenário desolador que temos vivido na cidade nos últimos dias. Em cada história de vida daqueles jovens, havia um mundo de possibilidades que jamais serão vividos.

Nesta mesma noite trágica, eu e meus irmãos da Rede Identidade Jovem da IBN estávamos, nos divertindo em uma festa que antecede o nosso Retiro de carnaval, o RJR. A festa foi maravilhosa, nós dançamos, cantamos e até brincamos todos juntos na casa do Senhor. Ao final da festa, nos deparamos com essa terrível notícia que me levou a pensar: Por que aqueles jovens não poderiam estar num ambiente mais saudável como nós estávamos? Que livramento Deus nos deu ao nos salvar deste mundo!

Isso tudo me levou a refletir sobre o por quê de muitas pessoas se afastarem de Deus.Dentre todas as histórias tristes, destaca-se o fato de haver naquela boate alguns jovens que um dia já andaram com Deus, conheceram a Sua Palavra, mas voltaram ao mundo. Boa parte deles, sobreviveram e estão  recebendo uma segunda chance de Deus para viver, se arrepender dos seus maus caminhos e voltarem ao Senhor. 

Sabe, poderia ter sido qualquer um de nós. Todos os dias muitos jovens se afastam do Senhor. Às vezes pode ser por más influências, mas a maioria das vezes é por decepções principalmente amorosas e insatisfações pessoais com Deus.  Se fizermos um levantamento das causas de por que as pessoas se desviam dos caminhos de Deus, sem sombra de dúvidas encontraremos como causa número um as questões sentimentais. A verdade é que muitos jovens não querem e não sabem esperar pelo tempo de Deus para ter um relacionamento amoroso e essa ansiedade os leva a afastar-se do melhor caminho onde poderiam concretizar seus sonhos.

 Muitos jovens vão para o mundo se aventurar em relacionamentos que mais tarde acabam em frustração e até mesmo em morte…Esses jovens, após passar por uma desilusão amorosa, decidem ir para as festas do mundo numa busca frenética por curar a sua dor com outro amor. Lembro-me, com muito pesar, de que há muito tempo atrás, quando sofri uma decepção sentimental na igreja, minha decisão foi “chutar o balde” e cheguei até a ir em uma boate. Graças a Deus, me arrependi a tempo para que Deus pudesse reverter toda situação na minha vida e eu pudesse estar testemunhando e trazendo ensino por meio do livro “O valor de estar solteiro”.

O afastamento de Deus é algo que começa de uma forma muito sutil, muitas vezes até imperceptível. São pensamentos que, aos poucos, são lançados em nossa mente e, se não vigiarmos poderemos estar alimentando-os dentro de nós, até que eles sejam expostos em nossas atitudes. Ninguém se desvia de um dia para um outro, mas sim a partir de um processo mental de orgulho e rebeldia misturados à ataques demoníacos e até mesmo por meio de palavras das pessoas que convivemos. Alguns exemplos de pensamentos que são lançados em sua mente: “ eu nunca vou conseguir ser santo como Deus quer”, “ lá no mundo é muito mais fácil ser feliz”, “ estou perdendo minha juventude nessa igreja”, “ Deus não se preocupa comigo, pois estou na solidão”, “ está demorando muito para minha promessa se cumprir”, “ eu preciso ter alguém para ser feliz”, “ por quê no mundo as pessoas alcançam as coisas mais fácil?” e por aí vai… Se esses pensamentos se tornarem um padrão para você, lamento informar-lhe que você caiu em cilada e o fim dela é a sua destruição.

O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância.”
(João 10:10)

Mas não se desespere, ainda há tempo!!! Há tempo de dizer NÃO às setas malignas, há tempo de dizer EU ESCOLHO DEUS!!!

Aprenda a identificar em sua vida o que o tem afastado de Deus. Saiba que ainda há tempo para se arrepender, não deixe para amanhã, pois o amanhã pode não existir mais. Jovem peça ao Espírito Santo que sonde o seu coração e mostre a você o porquê de tanto desânimo e vontade de desistir de tudo. Não deixe que a ansiedade por ter alguém o leve para longe de Deus. Espere no Senhor…Ainda há tempo!

“Deus, nosso Salvador (…) deseja que todos os homens se salvem e cheguem ao conhecimento da verdade” (1 Tm 2, 3-4).

 

obs: Esse texto faz um reflexão em relação as pessoas que se desviam dos caminhos de Deus. Obviamente um incêndio poderia acontecer em qualquer lugar, inlcusive numa igreja, porém o foco aqui não é o lugar em si, apesar de ter ilustrado o caso da boate. 

mm
Simone Messina Gomez Facebook Twitter Imprimir

Simone Messina Gomez. Funcionária pública e escritora cristã. Membro da Igreja Bastista Nacional de Santa Maria, RS. Autora do livro O valor de estar solteiro e de muitos outros que estão por vir! Casada com Pedro Tasca Gomez. Ministramos seminários sobre Vida de solteiro, Romance Real e Santidade. Contato: simessina@gmail.com

seta

CONHEÇA NOSSA LOJA ONLINE