Home Artigos Cristo vive em mim

Cristo vive em mim

266
0
“Assim já não sou eu quem vive, mas Cristo é quem vive em mim. E esta vida que vivo agora, eu a vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e se deu a si mesmo por mim.” 
Gálatas 2:20

Muitas vezes em nossas igrejas ou acampamentos, cantamos a famosa música de um cantor gospel que diz: “Já estou crucificado, com Cristo, agora vivo não mais eu.. Cristo vive em mim…”

É muito fácil cantar palavras da boca pra fora. Mas, se pararmos para refletir no que estamos cantando, será que cantaríamos essas palavras?

Essa música, é baseada no versículo em destaque; palavras escritas pelo apóstolo Paulo, do qual, ao estudarmos a sua vida à luz da Palavra, podemos ver que verdadeiramente ele pôde declarar essas palavras.

Mas e nós? Podemos declará-las?

Somos pecadores e isso é um fato. Mas se vivemos pecando e não nos arrependemos desses pecados, não podemos dizer que “Cristo vive em mim”. Se não amamos o próximo como a nós mesmos e se não amanamos a Deus acima de qualquer coisa, não podemos dizer que “Cristo vive em mim”. Se não estamos dispostos à nos sacrificar por amor aos outros, se não estamos dispostos à pregar o amor de Jesus, se não estamos dispostos à mostrar ao mundo quem Jesus é, não podemos dizer que “Cristo vive em mim.”

É preciso ter muito cuidado com o que cantamos, se dizemos que “Cristo vive em mim” mas não agimos de acordo, estamos mentindo diante Deus. Podemos cantar isso para homens e podemos fazer com que acreditem em nós, com as nossas atitudes, mas se nosso coração está cheio de coisas que não agradam a Deus, estamos mentindo; estamos sendo hipócritas.

Estamos em um constante processo de ser parecer mais e mais com Cristo, e esse processo tem o nome de Santificação, que começa na conversão, no dia que você aceita Cristo como seu Salvador. Conversão, na verdade, significa isso, converter: mudar de um estado para outro. Algo, que não acontece da noite para o dia, mas diariamente. Ou seja, virar uma nova criatura. “Se alguém está em Cristo, é nova criatura” (II Co. 5:17).

Declarar que Cristo vive em mim é todos os dias me colocar na presença de Deus e pedir perdão pelos meus pecados, não de forma geral, mas nomeando aqueles que me recordo. Mas mais do que pedir perdão, é necessário arrependimento. Não apenas saber que pecou, mas um arrependimento genuíno, que implica em mudanças.

Se Cristo vive em você, o que você tem feito para mostrar isso?

Com amor
Pati Geiger

Blog pessoal: IDEIAS NO FORNO

Instagram: @PATRICIAGEIGER

Fan Page: PATRÍCIA GEIGER

Twitter: @patigeiger