Ele era virgem, eu não!

Como o próprio título do artigo diz, essa foi uma realidade que vivi.

Minha intenção aqui não é polemizar, mas trazer uma realidade vivenciada por muitos jovens, e que de certa forma, os aprisiona.

Por muitos anos, eu carreguei esse fardo de não ser mais virgem e me sentir indigna de ter um romance dentro dos moldes bíblicos. Achei também que não encontraria um rapaz que compreenderia isso.

Engraçado, eu me deparei com alguém que compreendeu e que era virgem, daí vieram as dúvidas: “E agora?!, o que eu faço?” ou “Ele merece alguém melhor do que eu, não sou digna disso, o que ele vai pensar de mim?!”… Pode ser que você que está lendo este artigo tenha tido as mesmas indagações que eu, ou indagações parecidas, pois para alguém que não tinha estas coisas bem resolvidas na mente e no coração como eu era, tudo isso virava um problema.

Com o tempo, o Espírito Santo me mostrou que não era um problema da pessoa com quem eu me relacionaria, mas algo que eu mesma precisava resolver com o Pai.

Eu me sentia impura, indigna e me condenava por um fato que o próprio Deus já havia perdoado e não se lembrava mais. Por muitas vezes nós procuramos achar empecilhos em questões que já estão mais do que resolvidas na ótica celestial.

Muitos jovens acreditam que Deus requer apenas a sua virgindade intacta e solene, quando na verdade ele deseja  também santificação e pureza. Existem moças e rapazes que não cometeram um ato sexual propriamente dito, mas prostituíram suas mentes, almas e corações, trocando de relacionamentos desenfreadamente, deixando com que suas emoções fossem totalmente dilaceradas.

Deus requer de nós não apenas a virgindade, mas uma vida de entrega e separação deste mundo tão conturbado. Se você um dia entregou sua virgindade a alguém que não é o seu futuro cônjuge, te digo que não é tarde para mudar e traçar uma nova rota ao futuro que o Senhor planejou para sua vida.

Entenda ainda uma verdade escrita em Hebreus 10:17 “Dos seus pecados e iniquidades não me lembrarei mais”, e compreenda que se o próprio Deus decidiu se esquecer dos seus antigos erros, por que relembrá-los?  Por que continuar a deixar essa porta aberta para o inimigo entrar e te oprimir? Afinal, satanás atua nas brechas que estão abertas.

Por que eu estou dizendo todas essas coisas? Sabe, eu sei que existem vários jovens que já passaram por situações em que se pudessem voltar atrás fariam diferente! Jovens que se sentem culpados por erros dos quais Deus perdoou, mas constantemente são atacados pelo diabo para que não consigam romper! Jovens que se sentem aprisionados em um passado que o Senhor apagou! Eu não sei se você que está lendo este artigo passou ou passa algo semelhante, mas quero te dizer que o Senhor está pronto para seguir em frente em uma nova história ao seu lado! Ele te faz livre! Não traga a tona erros que Deus já perdoou! Ele te ama e não te acusa!

Preciso te dizer ainda que o Senhor te faz livre e completo, e está preparando um cônjuge maravilhoso para você, que além de te amar e respeitar, saberá ser instrumento do céu para te mostrar que DEUS FAZ TUDO NOVO!

Assim como Jesus fez na minha vida, pode fazer na sua vida também, pois o Senhor é especialista em transformar os nossos “fracassos” em histórias de vitória e graça totalmente arquitetadas por Ele, para se tornar testemunho do Seu grande poder.

Acredite, Deus tem um plano perfeito para a sua vida sentimental, basta que você entregue tudo a Ele e deixe que conduza os seus passos… Você se surpreenderá com o que o Pai vai fazer.

 

Um grande beijo,

 

Até a próxima,

 

Kamila.

 

 

RELACIONADO
COMPARTILHE ESTE ARTIGO:
 
mm

Kamila Carvalho Borges

Cristã, advogada, casada com Lincoln Borges.