Enfrentando as mudanças


Olá pessoal!

Tudo bem?

Hoje quero falar sobre algo que todos passamos na vida: M U D A N Ç A S!

Alguns encaram este momento de uma maneira super tranquila, outros não. Há quem diga que elas são necessárias, outros lutam contra si próprios para não terem que viver esta fase.

Nos últimos meses eu tenho passado por diversas mudanças. De solteira, para casada; de advogada para dona de casa; de noiva para esposa e etc.

Embora pareça fácil encarar as mudanças, muitas vezes elas não são, e forjam nosso caráter nos levando a viver coisas novas e inesperadas.

Quero compartilhar que uma das fases mais difíceis foi a transição de advogada à dona de casa. Por decisão mutua com meu esposo, decidimos que eu ficaria um tempo em casa, desfrutando e me adaptando a “vida de casada”. Passei da correria dos fóruns e processos, para o dia a dia cuidando do nosso lar.

Passei a dar valor quando minha mãe dizia: “não desarrume nada, acabei de limpar a casa!” (risos). Comecei a entender o valor que uma mulher que trabalha em casa tem, e a luta interna que elas passam (muitas vezes em silencio). O grande dilema é que este século tem lutado para mudar a verdade bíblica que foi incumbida a mulher no que tange a EDIFICAR a sua casa, já que somos induzidas a achar que uma mulher só é valorizada quando é bem sucedida em sua profissão, quando ganha mais que o marido e não depende de ninguém.

Eu tenho aprendido que não há mal algum em ser dona de casa, pois eu que dou suporte ao meu esposo, eu que edifico e organizo o meu lar e dou bom andamento a tudo. As mulheres estão desaprendendo a se submeter ao homem, pois tem sido enganadas com a mensagem do mundo que diz que precisamos ser “feministas” e totalmente “independentes” de qualquer pessoa. A mulher que pensa assim terá sérias dificuldades em encontrar um parceiro, ou até mesmo se o encontrar, de manter o relacionamento saudável, pois ela sempre buscará competir com o homem, o que não é o plano original de Deus, já que um casal deve andar lado a lado.

Dito isto, eu tenho aprendido a esperar o tempo de Deus para voltar a exercer a minha profissão sem negligenciar o meu lar. Essa mudança muitas vezes gerou conflito dentro de mim, mas tenho submetido a minha vontade a Deus e pedido a Ele o equilíbrio em todas as áreas da minha vida, de maneira que eu possa viver cada momento em sua plenitude.

Como em Eclesiastes está escrito que há tempo para tudo, eu tenho entendido que os momentos que temos para viver são únicos, e precisamos desfrutá-los ao máximo, sem a ansiedade do que virá depois.

Desta forma, eu te pergunto: Que mudanças você tem enfrentado?

Mudar é inevitável. A cada ano, ainda que seu interior não mude, o seu exterior já passou por este processo.

Houve um jovem que mesmo sem querer, passou por incríveis mudanças em sua vida. Ele foi de filho amado e protegido pelo pai, para escravo vendido, encarcerado, conselheiro do Rei, e depois Governador de uma grande nação. Você já sabe de quem eu estou falando não é?

Sim, José. Ele foi um rapaz que embora muito novo, passou por grandes mudanças que o levaram a ser que ele foi. Seu caráter foi forjado não em meio a bonança, mas em meio às dificuldades. Ele poderia ter tirado das batalhas da vida lições dolorosas, mas preferiu a melhor parte. Escolheu o perdão, o recomeço, o amor, a união, a fé, a obediência.

Eu não sei por qual mudança você está passando hoje. Pode ser que você esteja passando por um término de relacionamento, ou perdeu seu emprego… Ou, pode ser que você perdeu algum ente querido ou está entrando na faculdade… Seja lá qual for a mudança que você esteja passando eu te digo: Seja forte e corajoso!

Foram essas as palavras que o próprio Deus disse a Josué quando este assumiu a liderança do povo de Israel após a morte de Moisés e antes de entrarem na terra prometida. O Senhor disse a ele para ser forte, para ser corajoso, para não temer nem se espantar porque Ele era com Josué. Isso me faz refletir que embora Josué estivesse temeroso com o que viria e pela mudança em sua vida que aconteceria, quem iria a sua frente era o GRANDE EU SOU.

Assim, eu te digo novamente: Seja FORTE e CORAJOSO!

Coloque o Senhor a frente de cada mudança na sua vida. Peça a Ele que o livre da ansiedade e traga equilíbrio ao seu coração.

A mudança pode ser uma dádiva de Deus para intensificar, aprofundar e ampliar nosso relacionamento pessoal com ele. As mudanças da vida nos fazem lembrar que Deus é fiel ontem, hoje e para sempre.

Deixo a passagem escrita em Romanos 8:28 para reflexão: “Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.”

Até a próxima quinta!

Deus te abençoe!

Um beijo,

Kamila Borges.

mm
Kamila Carvalho Borges Facebook Twitter Imprimir

Cristã, advogada, casada com Lincoln Borges.

seta

CONHEÇA NOSSA LOJA ONLINE