Este Mundo Não é Nossa Casa


“Porquanto, para mim o viver é Cristo, e o morrer é lucro.”

Fl 1:21


Este versículo sempre chamou minha atenção e agora ele faz parte do meu dia a dia. Paulo estava preso quando escreveu a carta aos Filipos e o mais interessante é que a vida dele encontrava em Cristo todo o sentido! Escrever e viver isso não é uma coisa fácil, ainda mais na situação em que Paulo se encontrava.


Hoje as coisas estão mudadas. Certos cristãos não querem que Cristo volte cedo. É verdade! Quantas vezes pensamos e pedimos para que Deus espere que a gente se case, se forme ou realize alguns dos nossos sonhos? Isso acontece porque nos esquecemos do que é eterno e colocamos o foco todo em nós.

O alvo das nossas vidas deve ser, estar e sempre permanecer em Cristo! E quando isso se torna o motivo central das nossas vidas, a morte para nós nada mais é do que a eterna união com Cristo. As limitações desta vida ficam para trás e o que vem do alto passa a ocupar os nossos pensamentos e atitudes.

Quando realmente experimentamos a presença do Senhor, nós queremos experimentar mais e nos aprofundar. Se você pensa que isso é bom, imagina quando estivermos no céu, sentindo bem de perto a presença de Cristo e o adorando a todo instante?


Durante o tempo em que eu fiz intercâmbio, uma das coisas que mais mexeu comigo foi a saudade de casa, da família e dos meus amigos. Tinha saudade da vida que precisei renunciar para viver o novo de Deus para mim. Penso que a mesma coisa deve acontecer conosco. Este mundo não é o nosso lar. Não é a nossa casa! Nós pertencemos aos céus, a Cristo! Devemos sentir saudades da nossa verdadeira casa!


Quando não sentimos a presença e o poder de Deus, é fácil nos apaixonarmos pelas coisas deste mundo. É fácil tirar o alvo de Cristo e colocar em nós. É fácil esquecer do nosso verdadeiro lugar (que é ao lado de Cristo). Quando não ansiamos a presença de Deus, nós não O ansiamos! Dizemos com outras palavras que o mundo que estamos é melhor que a nossa casa.


Em Apocalipse 22:20, João escreve: “Aquele que dá testemunho destas coisas diz: Certamente, venho sem demora. Amém. Vem, Senhor Jesus.”

João teve a visão dos céus e estava ansioso pela volta de Cristo! A nossa reação deve ser como a dele! Precisamos nos alegrar ao saber que Cristo voltará para nos buscar.

Abra mão dos seus sonhos, dos seus alvos e viva cada instante da sua vida para realizar os sonhos que o Senhor tem para você. A sua missão aqui não é casar, formar ou até mesmo realizar sua listinha de vontades… O nosso alvo é fazer Cristo conhecido! E enquanto fazemos isso, o Senhor nos presenteia e cuida de nós.

RELACIONADO
COMPARTILHE ESTE ARTIGO:
 
mm

Redação Eu Escolhi Esperar