Eu sei que preciso terminar mas não consigo


Se você não passou/passa por isso, com certeza conhece alguém nessa situação. É incrível como damos às pessoas “poderes” tão gigantes de interferirem em nosso humor, decisões, modo de se bvestir, falar, etc. Relacionamentos podem ser bênçãos inigualáveis em nossas vidas, mas também podem tirar o brilho de “SERMOS NÓS MESMOS” sem nem percebermos.

Tenho um grupo no whatsapp só de meninas, lá conversamos sobre vários temas, cada uma com uma personalidade, vida, cultura diferente. Eu perguntei esses dias um tema legal pra escrever aqui e a doce da Adália (o testemunho dela é lindo, uma princesa linda por dentro e por fora) me sugeriu esse. Ela me contou um pouco sobre o testemunho do Chris Durán, como a vida dele foi marcada por renúncias, como hoje ele colhe frutos disso, etc e também me relatou o tanto que acha necessário dissertar sobre esse assunto de forma clara e sincera.

Na verdade, muitos de nós NÃO estamos sofrendo por NÃO sabermos o que fazer, mas, exatamente porque sabemos o que precisa ser feito, mas nunca ninguém nos disse como fazer.

Na Bíblia conseguimos ver muitos casos de renúncias, mas antes disso quero que você entenda que renunciar algo é muito pessoal. Por exemplo, pra mim não seria nenhum sacrifício renunciar chocolate porque eu não gosto de chocolate, mas pra você, pode ser. Então, que possamos entender que Deus nos fez seres únicos e trata de forma individual com cada um.

Renunciar é abrir mão de algo. É dizer “não” (ou SIM) quando a vontade é dizer “sim” (ou NÃO). Mesmo que algo seja um direito natural nosso, muitas vezes precisa ser renunciado para que algo muito melhor possa florescer em nossas vidas.

Moisés, José, Davi, Eliseu, Rute, Paulo etc, renunciaram e puderam colher bons frutos dessa renúncia, apesar de no início realmente perderem algo, confiaram e no fim, as coisas fizeram sentido. Não tem como renunciar sem esse sentimento de “perda”, porque renuncia dói, renuncia faz parte do “Eu prefiro a vontade dEle”. Só quem já pôde passar por uma experiência assim sabe como é a sensação sobrenatural de fazer a vontade de DEUS mesmo que isso nos custe muito, na nossa condição humana.

Na verdade, o próprio Jesus diz “Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me;” Mateus 16:24 , “todo aquele que dentre vós não renuncia a tudo quanto tem não pode ser meu discípulo” Lucas 14.33.

Relacionamentos são “saias justas”, porque intimidade é algo que não se pode simplesmente “tomar de volta”, a partir do momento que deixamos alguém entrar na nossa vida e participar dela, cria-se um laço, muitas vezes bem “apertado” e de difícil mobilidade emocional; Já sentei com muitos jovens namorados que dizem o tanto que sofrem, o tanto que já foram magoados, magoaram, mas que não conseguem terminar. Aquele velho papo “Ruim com ele, pior sem ele”. Que mentira…

Esse primeiro passo é sempre mais difícil e sabe, muitas vezes o difícil é ver o óbvio. Namoro é prévia para o casamento, neste, os defeitos se maximizam, as qualidades PARECEM diminuir, porque vemos a pessoa de “carne e osso” envolta na rotina, nos desafetos dos dias de trabalho, nas instabilidades familiares etc. Se seu namorado reage violento porque você não concordou com ele, se ele te bate “sem querer” frequentemente, se não te respeita, ou se sua namorada é melhor que o CSI quando o assunto é investigação e falta de confiança na sua palavra, se é uma moça alopradamente fútil e sem princípios e faz questão de fazer tudo do jeito dela e pronto, etc, poderia ficar o artigo todo citando várias coisas,… Infidelidade, descaso, maus tratos… Precisamos ver bem essas coisas, tudo bem que não existem pessoas perfeitas, mas existem coisas muito pontuais que talvez Deus esteja te dando a oportunidade hoje de “pular fora do barco” para que amanhã não esteja, que Deus o livre, num casamento frustrado e manipulador.

Podíamos fazer a lista de “Sintomas de quando é pra pular do barco”, mas, no fundo,.. Sabemos quando está na hora de terminar, o difícil é explicar isso pro coração. Mas, em contrapartida, não podemos ser guiados por isso, precisamos guiar nosso coração na palavra de DEUS e segundo a vontade dEle. Algumas coisas não vão fazer sentido nem pra nós, imagine pros outros, mas se é da vontade de DEUS, é e ponto final.

Quando um relacionamento não tem trazido mais JESUS pra perto, por exemplo, é um sinal ruim, muito ruim, é um alerta bem importante de que algo precisa ser mudado.

Não podemos tratar nossos relacionamentos com banalidade também, como se estivéssemos nos desfazendo de um jeans que não nos serve mais, ORE ANTES, peça direcionamento de DEUS, chame a pessoa pra conversar, coloque as cartas na mesa, seja sincero(a), honesto com você mesmo e com toda a situação. Trate com maturidade, não despreze simplesmente tudo que vocês viveram, isso é sinal de respeito também, seu caráter não depende do caráter alheio. Nada de criar suspense ou procrastinar o discurso, seja adulto. Não dê um de “perfeito”, assuma seus erros também e não precisa vomitar tudo que a outra pessoa fez de errado, afinal de contas, todo mundo é de carne e osso, todos erramos, mas simplesmente o fato de duas pessoas estarem juntas sem objetivo (JUNTOS)… Não faz sentido.

Terminar um namoro não é mesmo algo tão simples, as vezes sentimos saudades, mas como a Lu uma vez expões aqui, eu concordo plenamente, “SAUDADE não é amor”. Apesar de eu afirmar que o AMOR sente saudades, NEM TODA saudade é sintoma de amor.

O especial a se fazer nessas situações e fazer uma oração sincera ao Senhor, colocando seu relacionamento aos pés dEle e pedindo que a vontade do SENHOR JESUS se cumpra na vida de vocês, descarregue tudo em JESUS CRISTO, Ele com certeza vai cuidar de você e te direcionar a fazer o MELHOR.

Seja firme e certo de que DEUS jamais RENUNCIA um coração entregue totalmente a ELE. Ele cuida das estrelas, das flores, Ele mede o universo com a palma de suas mãos, diz em Isaias, nada é grande demais ou misterioso demais pra Ele, você acha mesmo que Ele não pode controlar os eventos da sua vida?

Confie. Confie. Confie.

Se for preciso deixar pra trás o que te leva pra longe do céu, do Senhor Jesus, FAÇA-O e confie no SENHOR JESUS, “Olhe sempre para a frente, mantenha o olhar fixo no que está adiante de você.” Provérbios 4:25

Que Deus cuide e nos direcione em todas as situações de nossas vidas, em nome de JESUS, Amém.

Amém?

mm
Marjorie Leite Facebook Twitter Imprimir

Entre Príncipes e Princesas| Missões - Ribeirinhos do Amazonas

seta

CONHEÇA NOSSA LOJA ONLINE