Galinha ou águia? Eis a questão.

Olá meus queridos, que saudade. Tudo bem? O que eu tenho pra compartilhar com você hoje pode mudar muito a sua perspectiva sobre o seu futuro.
Recentemente, eu recebi uma revelação muito profunda de Deus sobre o meu destino. Descobri que o propósito para o qual Deus me criou já estava estabelecido desde o ventre da minha mãe.  Deus me mostrou sinais de que desde a minha infância ele esteve me conduzido para o centro de Sua vontade. Foi tão maravilhoso ver e entender isso que escrevi este artigo.
Me lembro do profeta Jeremias e de seu chamado relatado em Jeremias 1: 4-5.
O Chamado de Jeremias
4A palavra do Senhor veio a mim, dizendo:
5“Antes de formá-lo no ventre eu o escolhi antes de você nascer, eu o separei e o designei profeta às nações”.
Assim como Jeremias, Deus quando permitiu que nós nascêssemos, também teve sonhos e planos a nosso respeito. Fomos feitos à imagem e semelhança Dele e  quando o reconhecemos como Senhor, quando reconhecemos o sacrifício de Jesus na cruz por nós, o Espírito Santo encontra morada em nosso coração.
Existem muitos dons que Deus liberou para nós de acordo com a Sua vontade, como diz lá em 1Coríntios 12. Porém muitos de nós temos vivido os nossos dias envolvidos em nossos problemas e questionamentos diários, quando Deus nos gerou e nos EMPODEROU para sermos verdadeiros sacerdotes aqui na Terra.
Quero te encorajar a enxergar que Deus é muito mais profundo e complexo do que apenas alguém que está no céu olhando para você e por você. ELE TE CRIOU COM UM PROPÓSITO. Sua vida foi feita para ter SENTIDO, e não apenas para viver o restante dos seus dias chorando pelo “leite derramado”.
Me permita compartilhar com você uma ilustração breve e muito conhecida que li no meu devocional um dia desses, mas que ilustra exatamente a minha proposta nesta reflexão:
 “Certo homem  achou um ovo de águia e o colocou num ninho em um galinheiro. A pequena águia foi chocada com a ninhada de pintos e cresceu com eles.  A vida toda a águia fazia o que as galinhas faziam pensando que era um pintinho. Ela ciscava a terra à procura de vermes e insetos, cacarejando o tempo todo. batia as asas e voava alguns metros.
Os anos se passaram e a águia ficou muito velha. Certo dia ela viu um pássaro magnífico acima dela, no céu sem nuvens. O pássaro deslizava em graciosa majestade entre as poderosas correntes de vento, com raras batidas de suas poderosas asas douradas. A águia olhou admirada.
– Quem é aquele? – perguntou.
– É a águia, o rei dos pássaros – respondeu o vizinho. – Ela pertence ao céu. Nós pertencemos à terra: somos galinhas.
Então a águia viveu e morreu como galinha, porque isso era o que ela pensava ser. “
Talvez o seu contexto de vida e muitas circunstâncias tenham feito você acreditar que você era apenas uma galinha, mas você nasceu uma ÁGUIA e Deus te criou para isso.  Quero te encorajar a refletir em quais áreas da sua vida você pode estar vivendo como uma galinha, quando Deus o criou para ser uma águia.
Essa breve reflexão me fez enxergar o quanto eu sou especial, única e o quanto a luz de Deus brilha sobre a minha vida. Pense nisso também e abandone a mediocridade. Você nasceu para um propósito e isso é irrevogável.
Um forte abraço e que Deus continue abençoando a sua vida e se revelando cada dia mais à você.
Amo vocês.
Carla Duarte

 

RELACIONADO
COMPARTILHE ESTE ARTIGO:
 
mm

Carla Duarte

Solteira, 30 anos. Representante do EEE no Estado do Rio de Janeiro. Membro da Igreja Evangélica Congregacional de Bento Ribeiro, atuou na liderança de jovens por 4 anos e tem experiência com missões transculturais no Brasil e no exterior.