Lembrando de quem é Deus

Olá pessoal!

Tudo bem com vocês?

Que tempos difíceis que nosso país está passando não é? Infelizmente tudo isso tem acontecido e nós temos que ficar atentos e por dentro do que acontece, para nunca sermos pegos de surpresa.

Hoje quero tratar exatamente sobre os tempos difíceis. Sei que todos nós passamos ou passaremos por alguma dificuldade, mas você sabe o que Deus diz sobre isso?

Pois bem, estava fazendo o meu devocional esta manhã, e um versículo me chamou a atenção… Como se ele saltasse da bíblia, logo veio algo ao meu coração. Como você, eu também tenho e passo por dificuldades. Grandes homens e mulheres presentes nas escrituras passaram por um ou vários momentos de aflição. Houve um profeta chamado Elias (eu particularmente acho fantástica a história) que em um momento de desespero e perseguição achou que poderia fugir de Deus e se escondeu na fenda de uma rocha… Para surpresa dele (ou não) o Senhor o encontrou e lhe deu novas instruções… Isso me faz pensar que em alguma hora, Elias se esqueceu a quem ele servia.

Diante da reflexão de hoje, comecei a pensar como temos o péssimo costume de esquecer QUEM É DEUS. Os momentos de crise são como vendas em nossos olhos nos tornando cegos a tal ponto, que nada ao nosso redor parece estar claro, de modo que só enxergamos a escuridão… Logo questiono, será que realmente sabemos quem é o Senhor? Será que as crises revelam Deus em nossas vidas ou revelam o nosso coração falho e cheio de incredulidades?

Em 1 Crônicas 16:12 está escrito: “Lembrai-vos das maravilhas que fez, dos seus prodígios e dos juízos dos seus lábios.”, neste versículo Davi diz para que o povo venha se lembrar daquilo que Deus fez no passado… Assim creio que as lembranças são um combustível ótimo para a nossa fé, pois elas nos relembram quem é Deus e que seu caráter é imutável, pois embora as circunstâncias mudem, ELE PERMANECE FIEL, GRANDE E SOBERANO.

O povo de Israel tinha uma péssima memória, e era necessário relembrá-los de como Deus tinha sido misericordioso e bondoso. Por muitas vezes nos assemelhamos a este povo, pois nos momentos de crise esquecemos quem o Pai é e que Ele supre as nossas necessidades, sejam elas quais forem.

A bíblia também diz que Jeremias, um profeta muito importante, também chamado de “profeta chorão” (por se afligir pelos pecados do povo israelita) em um momento de crise disse “quero trazer a memória o que pode me dar esperança” por saber que se apegar a lembrança da fidelidade de Deus iria lhe trazer força e o ajudaria a não duvidar da soberania d’Ele.

Por diversas vezes em que estive sem direção eu fazia uma reflexão e me lembrava dos grandes feitos do Senhor em minha vida, e tinha a plena certeza que nenhuma situação adversa mudaria quem Deus é e que Ele jamais me deixaria só, pois por muitas vezes eu recebi mais do que merecia e a crise me trouxe grande aprendizado.

Pode ser que hoje você esteja passando por algo que não deseja, mas lembre-se: Independente do que você fizer, Deus não pode ser infiel, pois não pode negar a si mesmo, pois Ele é imutável e digno de confiança. Ele mantém as suas promessas.

Quero alertar ainda que a presença de uma crise não é sinônimo de ausência de Deus. Ele está sempre presente com sua proteção, misericórdia, escape, amor e refrigério.

No livro de Hebreus o autor lembra aos judeus cristãos que estavam sendo perseguidos por declararem a fé em Cristo dos grandes livramentos dados pelo Senhor no passado, citando o antigo testamento, listando a galeria de heróis da fé indicando a grande perseverança que tiveram, encorajando os gentios e judeus a perseverarem também e a crerem que o mesmo Deus do passado agia nos dias em que eles viveram e age até hoje.

Neste momento, te convido a fazer uma reflexão comigo. Feche os seus olhos e comece a lembrar dos pequenos livramentos, das bênçãos diárias (ainda que possam parecer mínimas), do pão de cada dia que se tem, do teto para morar, dos testemunhos para contar, da saúde, da provisão, e de tantos outros grandes feitos do Senhor na sua vida e você verá que tem mais motivos para agradecer do que para se lamentar. Ele continua sendo Deus, Ele continua sendo Pai.

Em tempos de adversidade, não se esqueça do Deus que você serve, e traga a memória a sua grandiosidade. Ele merece ser louvado em todo tempo, pois a todo tempo Ele cuida de você!

Até a próxima quinta-feira!

Deus te abençoe!

Kamila Carvalho de Souza Borges

RELACIONADO
COMPARTILHE ESTE ARTIGO:
 
mm

Kamila Carvalho Borges

Cristã, advogada, casada com Lincoln Borges.