Não espere se casar para ser feliz

Uma das coisas que mais me preocupa observando a juventude cristã brasileira, de forma geral, sem denominação, nem placa de igreja, é uma certa urgência em se casar para então começar a viver, para então ser feliz.

Já ouvi várias pessoas dizendo: ah, quando eu casar, eu faço faculdade, quando eu casar, eu me envolvo na igreja, quando eu casar, eu faço tal coisa… como se a pessoa só pudesse começar a viver de verdade, se tiver outra pessoa.

A vida não é assim. Devemos correr atrás das coisas por nós mesmos. Deus nos abençoa, mas também devemos fazer a nossa parte, fazer as coisas que gostamos, estudar, viajar, trabalhar, servir a Deus e servir às pessoas.

Algumas pessoas deixam para fazer várias coisas só depois que se casarem, mas eu me pergunto, se conforme o tempo vai passando, você vai continuar sentado, esperando a pessoa aparecer?

Muitas vezes, não sabemos aproveitar o nosso tempo de solteiros. E eu me incluo nessa. Faço 28 anos essa semana e estou solteira. Mas sabe de um segredo? Eu aprendi a ser feliz solteira, aprendi a ser feliz sozinha. Não podemos colocar a chave da nossa felicidade no bolso de outra pessoa. Se você não é feliz sozinho, como espera se casar para ser feliz? Exigir que a outra pessoa te faça feliz?

Minha mãe sempre me disse que as pessoas não deveriam se casar para ser felizes, mas sim, para fazer outra pessoa feliz. Se você entrar num casamento pensando só na sua felicidade e a outra pessoa fizer o mesmo, teremos um casamento de duas pessoas infelizes, buscando a felicidade nas coisas erradas.

Por muito tempo eu vivi a minha vida esperando alguém que me completasse, alguém que me fizesse feliz. Por muito tempo, eu não gostei de mim mesma e não gostava da minha companhia. Mas, saindo da casa dos meus pais e indo morar sozinha, eu aprendi a me amar. Aprendi a ser feliz, aprendi a viver. Claro que esse aprendizado não surge de uma hora para a outra, mas eu vi que eu estava colocando a minha felicidade nas coisas erradas, quando a minha felicidade deveria estar em Deus, quando eu deveria aprender a amar a Deus acima de todas as coisas e saber que tudo que Ele é, é suficiente para que eu diga: eu sou feliz.

O ser humano tem um vazio enorme dentro de si e um desejo constante por felicidade. Muitos buscam a felicidade nas coisas, no dinheiro, em bens, em viagens, outros buscam a felicidade nas pessoas, e por ai vai, cada um arruma o seu próprio caminho para a felicidade, quando não entende que a felicidade é algo que só encontramos em Deus, quando nos completamos nEle.

Mas mais importante. As pessoas esquecem que a nossa vida é um nada se comparado com a eternidade e buscam um prazer momentâneo aqui na Terra, buscam uma felicidade que é passageira e esquecem que não fomos feitos para essa vida, não fomos feitos para sermos felizes aqui. Fomos feitos para adorar a Deus. E de que maneira a sua vida como solteiro pode adorar a Deus?

Casamento não é a solução para os problemas que enfrentamos; casamento não é a cura desses problemas e nem a cura para a infelicidade.

Então, não espere se casar para começar a viver. Não espere que outra pessoa te faça feliz. Não espere se casar para ser feliz. Busque a Deus e a Sua vontade, tenha um relacionamento com o Pai e busque nEle, tudo aquilo que você precisa. Aprenda a ser feliz sozinho, aprenda a aproveitar a sua vida e curtir os momentos que Deus te dá como solteiro. Aprenda a se envolver na sua igreja, se envolver em missões, se envolver com a obra; aprenda a correr atrás dos seus sonhos, estudar, trabalhar, investir na sua carreira; aprenda a descansar também; aprenda a buscar o verdadeiro dono de toda a felicidade.

Se a nossa esperança em Cristo se limita apenas a esta vida, somos os mais infelizes de todos os homens. ” 1 Coríntios 15:19

“Alegre-se, jovem, na sua mocidade! Seja feliz o seu coração nos dias da sua juventude! Siga por onde seu coração mandar, até onde a sua vista alcançar; mas saiba que por todas essas coisas Deus o trará a julgamento.” Eclesiastes 11:9

Com amor

Pati Geiger

Instagram: @patriciageiger

Fan Page: Patrícia Geiger

Twitter: @patigeiger

Blog pessoal: Ideias no Forno

RELACIONADO
COMPARTILHE ESTE ARTIGO:
 

Patrícia Geiger