Nem todo dia é dia de filho pródigo.

Amigos, Bom dia.

Meu último post deste ano…. Foram tantas emoções, tantas coisas que aconteceram esse ano. Um ano muito difícil para todos nós.  Tenho tantas coisas pra dizer que nem sei por onde começar… por isso acho que escreverei pouco.

Mas como eu sempre escrevo baseada nas minhas experiências dos últimos dias, eu quero compartilhar algo que me deixou bastante chocada. Na madrugada de 24/12 uma amiga minha sofreu um acidente de moto e faleceu. Uma jovem linda, cheia de sonhos e planos, com uma carreira e tanto pela frente, mas que teve sua vida interrompida por uma grande fatalidade…. Nós não éramos muito próximas, mas no fim do ano passado tivemos a oportunidade de conversar e compartilhar alguns sonhos e desejos em comum.

Ela sempre esteve em cima do muro e nunca tomou uma posição firme com o Senhor. Sempre quer nos encontrávamos, ela falava que um dia ia se firmar e largar os prazeres do mundo para se entregar ao senhor. Mas esse dia não chegou. Eu não sei quais foram as circunstâncias que a levaram a sair de moto de madrugada sozinha, eu só sei que ela não voltou.

Uma vez ouvi uma frase que me impactou profundamente: NEM TODO DIA É DIA DE FILHO PRÓDIGO e infelizmente ela teve muitas chances, mas ignorou todas. agora é tarde demais. 🙁

Quantos de nós estamos brincando de ser crentes, temos brincado com os coisas do senhor, não levamos Cristo a sério crendo que sempre haverá uma segunda chance, uma outra oportunidade, mas CUIDADO esse dia pode não chegar e você ficar numa situação bem difícil e irreversível.

Avalie a sua vida hoje. Você tem levado Deus a sério ou ainda ta brincando de ser crente?? Não sabemos o nosso dia de amanhã. E assim como a minha amiga não voltou, você também pode ficar pelo meio do caminho. Isso não é terrorismo, mas um alerta pra que você se posicione diante do senhor enquanto é tempo, porque amanhã pode ser tarde demais.

Paz a todos.

Um forte abraço,

Carla Duarte

carladuarte.contato@gmail.com

RELACIONADO
COMPARTILHE ESTE ARTIGO:
 
mm

Carla Duarte

Solteira, 30 anos. Representante do EEE no Estado do Rio de Janeiro. Membro da Igreja Evangélica Congregacional de Bento Ribeiro, atuou na liderança de jovens por 4 anos e tem experiência com missões transculturais no Brasil e no exterior.