Quando você olha no espelho, o que você vê?


Algumas semanas atrás eu estava conversando com uma amiga, desabafando algumas coisas sobre a minha vida.

Ela virou pra mim e perguntou:

– Pati, quando você se olha no espelho, o que você vê?

Na hora eu respondi: vejo uma pessoa que engordou e que precisa urgentemente voltar para a academia.

Achei a minha resposta extremamente ridícula, mas quando percebi, já havia falado.

Voltei pra casa e fiquei pensando na pergunta dela e na minha resposta.

E desde então, toda vez que me olho no espelho eu pergunto para a garota do espelho: o que você vê?


Além do seu peso um pouco acima ou abaixo do que você deveria estar. Além dos cravos e espinhas no rosto. Além do tamanho pequeno ou grande demais do seu peito. Além da cor do seu cabelo, além da sobrancelha falhada, o que você vê?

A nossa visão é muito limitada. E dia após dia somos bombardeadas (os) pela mídia. Pelo mundo em que vivemos. E por mais que muita gente tenta lutar contra essa loucura da indústria da beleza, a gente sabe que não é fácil. Parece que você nunca tem o peso certo; ou é gordo demais ou magro demais. O seu cabelo não é bom. O seu tom de pele não é bom. Você é alto demais; é baixo demais.

Você se olha no espelho e parece não se encaixar nesse mundo.

E você sente a pressão de que precisa ser linda (o) para ser aceito, para ser amado.

Você sente a pressão de que precisa ser maravilhosa, magra, sexy, ter as melhores roupas, o cabelo perfeito, a pele perfeita, para ser amada.

Mas sabe o que eu descobri? Que o amor começa de dentro.

Que a ânsia em querer ser amado, deve começar por nós mesmos.

Infelizmente, eu vejo uma grande questão em torno da baixa auto-estima no meio cristão. Principalmente entre as meninas, com quem converso mais. É muito triste ver pessoas criadas à imagem e semelhança de Deus, se sentindo inferiores, sentindo que não valem nada, achando que precisam fazer algo para provar o seu valor. Pessoas amadas por Deus, que quando se olham no espelho, tudo que enxergam é um corpo imperfeito. Você é muito mais do que isso! Você é alma e espírito também!

Lembre-se disso: Deus criou você.

A primeira coisa que você precisa colocar na sua cabeça é que você já é extramente amada, mesmo antes de nascer. Deus te deu a vida, Deus te amou antes mesmo de você existir.

Deus colocou um amor imenso dentro do seu coração.

E Deus nos diz: Ame ao seu próximo como a si mesmo… mas como você vai amar ao próximo como a ti mesmo, se você não se ama?

O amor começa de dentro para fora.

Eu gosto de usar maquiagem, de pintar as unhas, gosto de cuidar do meu cabelo. E nada disso é errado. O que é errado é fazer isso para agradar os outros. O errado é achar que você precisa dessas coisas para ser aceito. É errado achar que precisa da aprovação dos outros para ser feliz.

Faça essas coisas por você mesma. Se você gosta de batom vermelho, vai lá e usa batom vermelho, porque você gosta de batom vermelho e não porque você quer impressionar alguém. Se você quer ir para a academia, vá sem medo. Mas faça isso por você, pela sua saúde, seu bem estar.. não para ficar gostosa aos olhos do mundo. Faça isso porque você se ama.

Desde o dia que a minha amiga me fez aquela pergunta, todos os dias eu olho no espelho e me pergunto: o que eu vejo? E algo mudou aqui dentro de mim.

Agora eu estou aprendendo a amar a garota que eu vejo no espelho.

Quando você olha no espelho, o que você vê?

Com amor

Pati Geiger

seta

CONHEÇA NOSSA LOJA ONLINE