Uma carta minha para o nosso perdão


Hoje não quero só perdoar, hoje quero pedir perdão a quem eu deveria perdoar. Porque? Me respondam, quando alguém te magoa, você deseja alguma coisa negativa aquela pessoa ou associa aquela pessoa a algum sentimento desagradável, ruim. Esse desejo pode durar segundos, minutos, meses, anos, mas existiu em algum momento e dependendo, existe até hoje dentro de você se trouxer a imagem daquela pessoa ou situação a memória. Mas hoje, te convido a pedir perdão por este ato. Falo porque luto todos os dias para não ser mais praticante disso.


Minha irmã esses dias ouvindo um episódio vivido por mim me perguntou: “E você, se fulano que te magoou chegar aqui, você pediria perdão?” Parei e fiquei pensando naquilo, quis ter razão dentro de mim, justificando que foi a pessoa que me magoou ou me desejou mal e não o contrário e por isso quem deveria me pedir perdão era ela e não eu. Porém, eu como conhecedora da palavra, sabendo que devo oferecer minha face quantas vezes for preciso, deveria saber também que um sentimento ruim, seja ele sozinho ou associado a imagem de alguém, não prejudica o outro, pois por muitas vezes a pessoa nem sabe que magoou mas sim a mim, pois quem cultiva tal sentimento é o receptor e não o emissor.


Sendo assim, devo pedir perdão também, pois ao invés de orar para que essa pessoa pare de fazer coisas ruins, de magoar percebendo ou não, seja mais vigilante de si. Que essa pessoa não faça como eu fiz, não deseje ou associe a imagem do próximo a um episódio ruim e que o tempo gasto se entristecendo pelo que já passou, seja utilizado em forma de oração para ambas as partes. Hoje, eu queria PEDIR perdão a quem já me magoou. Não falo só de você de ontem, de um ano atrás, de dois meses…Falo também de você de anos passados e de você que virá a cometer isso. Que para magoar ou desapontar o outro só é preciso existir. Sabe, uma vez um amigo meu me disse que as pessoas que mais gostam de você são as que mais vão te magoar. Afinal, quem liga tanto pra alguém que nem intimidade tem? Podemos sim nos magoar com estranhos, mas com quem amamos nos importamos mais. E é por esse amor que devemos trocar o sentimento de perdão! Mostrar, mesmo que a pessoa resista, que devemos lapidar as palavras antes de soltá-las, compreender os defeitos e tentar suportá-los, superá-los e passarmos por cima do orgulho e caminharmos juntos.


Não estou falando que você vai seguir isso e nunca mais vai magoar, mas agir em todos os sentidos sem nem ao menos tentar analisar o que se faz é pedir pra viver magoando! E você de qualquer ano desde a minha existência, você que ainda virá a cruzar meu caminho, eu o perdoo e peço perdão por tudo que fiz, falei, pensei… Peço perdão para aqueles que nem sabem que me magoaram e para aqueles que não puderam ou não quiseram, infelizmente, me dar a oportunidade de explicar alguma mágoa cometida por mim. Me perdoem, mas me perdoem com amor, com compaixão, com verdade. E que Deus me dê sempre a oportunidade de praticar um sentimento tão bonito e mostrar ao mundo que nunca se é tarde para praticá-lo.


Esse artigo é uma contribuição de nossos leitores.

Autora: Maria Luiza Vaz

Email:mluiza.adm@hotmail.com

Twitter: @malusvaz

Facebook: Maria Luiza Vaz (https://www.facebook.com/malusvaz)

Instagram: @mlsvaz

seta

CONHEÇA NOSSA LOJA ONLINE