Home Artigos A espera também é coragem

A espera também é coragem

2151
0

Pra mim, confiança sempre foi viver por fé e não por vista. Toda vez que Deus abre uma porta sobre algo que eu estava orando, mesmo com um frio na barriga ou as circunstâncias naturais não parecendo favoráveis, eu confiava em Deus dando um passo de fé para viver aquele desconhecido.

Destemida, corajosa, intensa… Sempre gostei de me definir com essas palavras, uma vez que as ouvi do próprio Deus. Eu gosto de intencionalidade nas coisas, e acredito que a vida cristã é 100% intencional. Ou você é quente ou frio, e você não pode servir a dois senhores. A bíblia em si é intencional. Mas eis que essa semana eu escuto algo diferente de Deus: não se mover também mostra coragem.

Há umas três semanas eu tenho orado sobre algo específico em minha vida, tenho pedido algumas direções e oportunidades para Deus, e finalmente algumas coisas têm acontecido e algumas portas estão sendo abertas, portas que realmente parecem fazer parte do propósito de Deus. Mas as questões naturais pareciam não estar me ajudando muito e parecia de fato não ser o melhor momento para viver essas oportunidades. Isso estava me deixando em crise, porque minha atitude natural sempre foi de agarrar isso e entrar com coragem, porque eu pensava que “cavalo encilhado não se passa duas vezes” e que se eu perdesse a oportunidade poderia não tê-la novamente. Então pra mim basicamente coragem era me mover e não ficar parada. Agora, como eu poderia não fazer nada diante disso?

Foi aí então que Deus me disse “não se mover também demonstra coragem, porque mostra que você confia naquilo que Eu disse sobre você e que, se essa oportunidade aparentemente perfeita passar, você vai continuar confiando na minha bondade e na verdade de que ninguém pode roubar aquilo que Eu tenho para você. Então se Eu fui fiel para abrir essa porta agora, também serei fiel para abrir uma nova futuramente.”

Uau! Eu amo como Jesus sempre eleva o padrão.

Enquanto Ele viveu na terra, Ele elevou o padrão das coisas mostrando que se antes era pecado adulterar, agora se você apenas pensasse na mulher do próximo já estaria adulterando no seu coração. Se antes era pecado matar, agora se você falasse mal do seu irmão já estaria pecando contra ele. E por aí vai. Jesus elevou o padrão de lei para a graça, pois nenhuma dessas coisas seriam possíveis por esforço próprio.

Agora estava Jesus, mais uma vez, elevando o meu padrão. Se antes para mim coragem era me mover, agora Ele estava me ensinando que coragem muitas vezes também é esperar. E a espera em si também é uma ação, porque envolve cada vez mais um nível novo de confiança em Deus Pai, sabendo que em todas as coisas Ele trabalha ao nosso favor.

Hoje, apenas quero lembrá-la de que Deus não é definido pela sua vista, Ele é definido por Ele próprio e não pode negar a Si mesmo. Se Ele disse, Ele cumpre. Mesmo que você não veja algo, continue pautada pela verdade de que Ele é bom e fiel.

A espera também é coragem. Continue escolhendo esperar.

Texto por: Aline Subtil @aasubtil @vivaselah

COMPARTILHE ESTE ARTIGO: