Home Artigos Atenção! Os efeitos colaterais de Dezembro, eles são reais.

Atenção! Os efeitos colaterais de Dezembro, eles são reais.

2483
1
natal

Esses dias, me fizeram a seguinte pergunta:­
— Como você consegue estar solteira?!!
Não deu tempo de responder…
— Já tô com vontade de chutar o pau da barraca! , completou.

É… os efeitos colaterais de Dezembro…

É na época do natal que muitos se frustram com o fato de estarem “sozinhos”.  Talvez você passou o ano assim, ou terminou um relacionamento recentemente. Mas é nessa data, que colocamos nossa vida na balança e estamos mais suscetíveis a encontramos falta no coração. Pera! Falta no coração? Tem alguma coisa errada aí.

A solidão é um sentimento, ela não depende de você estar ou não namorando. Sim, acredite, independente do seu “status de relacionamento” a falta que você sente em seu coração é suprida pela revelação do amor e bondade de Deus para com sua vida. Os últimos dias do ano, são um ótimo momento para comtemplar esse amor.

Um outro mito é o de que você “não pode terminar o ano assim… ainda solteiro”. Primeiramente, sim você pode! O final do ano não é um prazo de expiração da tua vida.  Na palavra lemos sobre “ há um tempo certo para todas as coisas”, e não  “até Dezembro tudo tem que acontecer”. Está tudo bem, “respira e inspira” …

Pra fechar, cuidado com as fantasias. Muitas vezes nos perdemos em expectativas não fundamentadas “de contos de natal” com relação ao amor. Sabemos que a esperança frustrada, enfraquece o coração… Minha dica para esse final de ano: Ao invés de cultivar aquelas ilusões, cultive alegria no seu presente! Comemore a certeza de um futuro de paz e esperança em Jesus.  

Faço da oração do Ap. Paulo, a minha por você, querido leitor (a):  

Oro para que, com as suas gloriosas riquezas, ele os fortaleça no íntimo do seu ser com poder, por meio do seu Espírito, para que Cristo habite em seus corações mediante a fé; e oro para que vocês, arraigados e alicerçados em amor possam, juntamente com todos os santos, compreender a largura, o comprimento, a altura e a profundidade, e conhecer o amor de Cristo que excede todo conhecimento… (Efésios 3: 16 – 20)

De coração pra coração,  Alle Monteiro.

COMPARTILHE ESTE ARTIGO:

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.